Reforma, casa nova e casamento: como conciliar?

Reforma, casa nova e casamento: como conciliar?

A mudança para a casa nova é um dos maiores desafios para casais recém-casados ou noivos na etapa de planejamento do casamento. Afinal, os gastos com a reforma são altos, exigem muito tempo e dedicação do casal, e o planejamento de prazos nunca saem conforme o combinado.

Diferente de antigamente, quando era tradição que os noivos ganhassem dos pais a casa nova e a festa de casamento, hoje a maior parte dos noivos precisam tirar das próprias economias a realização dos dois sonhos.

Para que vocês não enlouqueçam durante esse processo, separamos no post de hoje algumas dicas bem legais para organizar a reforma e a festa ao mesmo tempo.

8 dicas para noivos que estão reformando a casa e planejando o casamento ao mesmo tempo

1. Monte um planejamento de tempo e dinheiro

Entendam onde vocês estão hoje, qual o prazo que vocês estabeleceram para que a casa esteja pronta e qual a data que sonham em se casar. A partir disso, montem um cronograma de prazos para cada etapa da reforma e do planejamento da festa estarem cumpridas e quais os valores financeiros envolvidos em cada uma delas.

2. Sempre priorize a casa

Imaginem a frustração de se casarem e a casa nova ainda não estar pronta para recebê-los!

Para evitar que isso aconteça, o ideal é priorizar a reforma para, então, cuidar do casamento. Aqui não estamos falando de pequenos detalhes e nem de decoração. Mas a reforma estrutural precisa estar finalizada e também os acabamentos.

3. Organize uma lista de itens de sobrevivência

Após a reforma ou a construção da casa estar finalizada, chegou a hora de investir tempo e dinheiro do casal na organização do casamento. A decoração, móveis, eletrodomésticos e outros itens devem ser deixados para serem adquiridos só após a volta da lua de mel. Afinal, é bem possível que vocês ganhem boa parte desses itens como presente de casamento.

No entanto, a casa nova precisa estar minimamente habitável. Para isso, é importante que vocês façam uma lista do que é preciso comprar para conseguirem entrar no imóvel: cama de casal, guarda-roupa, geladeira e fogão, um jogo de jantar, um jogo de panelas e uma máquina de lavar. Cada casal vai ter a sua própria lista, claro, e nessa fase vale considerar pegar móveis usados ou extras de familiares.

4. Operação festa de casamento!

A organização do casamento deve ser dividida igualmente entre os dois. Monte uma lista de tarefas e atividades a serem feitas e divida-a em dois. Claro que cada um vai participar de cada etapa com ideias e sugestões, mas cada tarefa precisa ter um responsável. Por exemplo: o noivo vai cuidar dos doces e do bolo. Logo, vai se responsabilizar por pesquisar fornecedores, pegar indicações, marcar degustações e fechar. A noiva vai escolher o menu e o tipo de buffet do jantar. Vai marcar as visitas, pedir orçamentos, agendar degustações. E assim por diante.

Se possível contratem uma assessora para ajudar vocês. Essas profissionais já conhecem todos os fornecedores do mercado e são uma mão da roda para casais que trabalham o dia inteiro.

5. Montem uma lista de presentes inteligente

Não incluam decoração e nem pequenas peças na lista. Foque no que vocês realmente precisam no dia a dia. Façam pelo menos três listas de presentes de casamento em lojas diferentes, e incluam presentes de variadas faixas de preço.

6. Organize a volta da lua de mel

A volta da lua de mel pode ser caótica. Casa nova, muitas caixas de mudança, muitos presentes para abrir. Nessa etapa, é ideal pedir ajuda para pessoas próximas para deixar a casa impecável para a volta da lua de mel. Roupas lavadas, roupa de cama na cama, eletrodomésticos prontos para serem usados, mantimentos básicos no armário e louça limpa.

7. Organize os presentes

Separe um final de semana inteiro após a lua de mel para organizar os presentes em três pilhas: presentes da lista que vocês gostaram, presentes que precisam ser trocados, presentes que vocês não querem e não podem ser trocados. Se com as trocas vocês não conseguirem ainda os itens que faltam da lista de desejos, uma ideia é tentar vender os presentes não trocáveis (lojas desconhecidas, em outras cidades, sem nota fiscal, etc) pela internet e, com o dinheiro, adquirir os bens que ainda faltam.

8. Última etapa: decoração

Agora é a hora do casal se dedicar a pensar a decoração da casa nova com gosto e calma. Pensem em cômodo por cômodo e foquem em um ambiente da casa por vez.

Vocês estão lidando com reforma e construção enquanto organizam a festa de casamento? Quais são os principais desafios e dificuldades que estão enfrentando? Compartilhe conosco nos comentários!